Arquivo

Archive for the ‘PT’ Category

Agnelo 2010/2014: de um extremo ao outro.

14 de setembro de 2015 Deixe um comentário

Deputado Distrital, Deputado Federal, candidato ao Senado, sempre pelo PCdoB, até migrar para o PT e por ele disputar duas eleições para Governador, Agnelo Queiroz ficará na história eleitoral do Partido dos Trabalhadores no DF por ocupar, no ranking das votações… as duas pontas !

 

Ano Candidato

Governador

Coligação % votos válidos

1º turno

2010 Agnelo Queiroz (**) 11 partidos 48,41 %
1998 Cristovam Buarque (*) 8 partidos 42,67 %
1994 Cristovam Buarque (**) 5 partidos 37,19 %
2002 Geraldo Magela (*) 4 partidos 40,87 %
2006 Arlete Sampaio 6 partidos 20,93 %
1990 Carlos Saraiva e Saraiva Sem 20,27 %
2014 Agnelo Queiroz 16 partidos 20,07 %

(*) qualificado para o segundo turno (**) eleito no segundo turno

 

A megacoligação que não colou.

 

O então Governador Agnelo Queiroz – PT conseguiu, para a eleição 2014 e visando sua reeleição (em companhia do Vice-Governador Tadeu Filippelli – PMDB), formar a maior coligação de partidos da história do DF: nada menos que 16 legendas ! No entanto, em 5 de outubro, Agnelo amargou nas urnas uma decepcionante terceira colocação, e ficando de fora do segundo turno, fato inédito no DF (na eleição 2006, Maria de Lourdes Abadia – PSDB, Governadora em exercício após a desincompatibilização de Joaquim Roriz, também foi derrotada no primeiro turno, quando José Roberto Arruda se elegeu. Mas obteve a segunda maior votação nas urnas).

 

Em 2010, no ano da grande convulsão política do DF, Agnelo tinha conseguido o que era então a maior coligação formal de apoio a um candidato ao Governo. O PT que, historicamente, tinha reservas à coligações amplas, conseguiu grande projeção para seu candidato. Se em 2006 Arlete tinha sido maior que sua coligação (medida em votos recolhidos pelos candidatos a Distrital), em 2010 Agnelo, trilhando um Novo Caminho, conseguia o melhor resultado percentual de um candidato do PT ao Buriti, e sua coligação reunia a maioria absoluta dos votos.

 

Em 2014, numa megacoligação de 16 partidos (uma das maiores do Brasil para uma eleição majoritária), o voto “Agnelo” descolou da soma dos candidatos a Distrital, termômetro mais justo da penetração partidária, e seu “time” alcançou quase o triplo da votação do candidato à reeleição:

Post Agnelo (apertar a seta para voltar)

Arlete/Agnelo/Agnelo: candidato ao Governo pelo PT (Arlete em 2006, Agnelo em 2010 e 2014)

Coligação: votação cumulada para Distrital (nominais e de legenda) da Coligação Arlete 2006 (PT-PV-PCdoB-PSB-PRTB-PRB); da Coligação Agnelo 2010 (PRB-PDT-PT-PTB-PMDB-PPS-PHS-PTC-PSB-PRP-PCdoB); da Coligação Agnelo 2014 (PT-PMDB-PRB-PCdoB-PRP-PPL-PV-PP-PTN-PTdoB-PSC-PROS-PTC-PSL-PHS-PEN)

PT: votação cumulada para Distrital (nominais e de legenda) dos candidatos do PT.

 

Agnelo e PT: casamento aberto.

Os resultados das eleições 2014 mostraram um deslocamento do eleitorado PTista, além de um recuo na votação dos candidatos a Distrital (nominais + legenda). Os tradicionais bastiões (Lagos, Cruzeiro, certas áreas do Plano Piloto) foram investidos por outras forças políticas, e os três “picos” de votação, por zona eleitoral, podem surpreender: Planaltina (13,65 %), Samambaia ZE 13 (12,98 %) e Taguatinga Norte/Vicente Pires (12,64 %). É a força de três lideranças locais, respetivamente Claudio Abrantes (2º mais votado na ZE 06), Risomar (mais votado na ZE 13) e Dirsomar (mais votado na ZE 19).

Já os picos de Agnelo foram no Gama ZE 17 (25,16 %), Sobradinho (24,20 %) e Ceilândia ZE 20 (24,14 %), apesar de sua votação máxima ter sido no Núcleo Rural Pipiripau, na zona rural de Planaltina, com 41,17 % dos votos.

Influenciaram provavelmente o bom resultado de Agnelo, na ZE 17, os também bons resultados de Dilma Presidente (2ª atrás de Marina) e do Federal Policarpo (3º mais votado). O Pastor Egmar, mais votado para Distrital, fazia parte da coligação Agnelo.

Em Sobradinho, Agnelo consegue uma vitória na Vila Basevi (Dilma também), Magela Senador bate Reguffe no Córrego do Arrozal, Érika Kokay Federal realiza bom resultado, com as lideranças de Dr Michel (PP) e de Ricardo Vale (PT).

Na ZE 20 de Ceilândia, destaques para Ronaldo Fonseca Federal (2º mais votado), e os Distritais Chico Vigilante (4º) e Julio Cesar (5º).

post Agneloo (apertar a seta voltar após leitura)

 

Agnelo 2010 x 2014. Queda generalizada

O último gráfico, com as votações de Agnelo Governador por zona eleitoral em 2010 e 2014, mostra a completa mudança de eleitorado do então Governador. Os picos são diferentes (com exceção da ZE 17 do Gama e da ZE 20 de Ceilândia), alguns “buracos” foram preenchidos mas outros se formaram. As mudanças de orientação, particularmente no Plano Piloto (Cruzeiro incluso) são claras:

post Agnell (apertar a seta voltar após leitura)

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios